"O livro "Maternidade Impossível", lançado esta semana, chocou a opinião pública dos EUA e provocou a cólera dos movimentos pró-vida."