11/29/2009

UMA ANALISE CRÍTICA DO LIVRO: A CABANA por Prof. Dr. Paulo Romeiro


Introdução

Já faz tempo que o liberalismo teológico tem assediado e invadido uma boa parte do campo evangélico brasileiro. Os prejuízos para a pregação do evangelho têm sido enormes. A decadência doutrinária aumenta com rapidez e muitos crentes estão cada vez mais confusos.

Maiores informações, CLIQUE AQUI.

PARABÉNS PROFA. CHRISTINA HOFF SOMMERS


Professora de filosofia na Universidade Clark, escreveu um artigo initulado "ENSINANDO AS VIRTUDES", no qual atacava a educação superior por ensinar a ética como justiça social, e não como uma decência e honestidade individual.

Uma das colegas de Sommers reclamou que ela estava promovendo a moralidade burguesa e ignorando os verdadeiros problemas, tais como a opressão das mulheres, o mal das corporções multinacionais e a exploração do meio ambiente. Mas, no final do semestre, a mesma professora veio ao escritório de Sommers, horrorizada, porque mais da metade dos seus alunos havia plagiado o seu exame, uma prova que podia ser feita em casa. eles haviam trapaceado em um curso de ética!

"o que você vai fazer", perguntou Sommers. Timidamente, a mulher pediu uma cópia do artigo de Sommers sobre a importância da VIRTUDE INDIVIDUAL.

Extraído do livro:
COLSON, Charles; PEARCEY, Nancy. O CRISTÃO NA CULTURA DE HOJE: Desenvolvendo uma visão de mundo autenticamente cristã. 2a. ed. Rio de Janeiro: Editora CPd, 2006; (pág. 160)

http://luis-cavalcante.blogspot.com

11/28/2009

11/19/2009

ATIVISTAS GAYS DA ESCÓCIA CONDENADOS À PRISÃO PÉRPETUA POR PEDOFILIA

Ativistas gays da Escócia condenados à prisão perpétua por pedofilia por Thaddeus M. Baklinski

EDIMBURGO, Escócia, 3 de novembro de 2009 (Notícias Pró-Família) — Um influente ativista gay e líder de grupo de jovens, juntamente com outro ativista homossexual, foram presos, em sentenças de prisão perpétua, por seu envolvimento na maior rede de pedofilia já descoberta na Escócia.

James Rennie, que já foi coordenador do grupo Jovens LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) da Escócia e ex-professor, e Neil Strachan, ex-secretário de um grupo de meninos celtas e defensor de questões homossexuais, foram condenados em maio em acusações que incluem ataques sexuais a meninos, conspiração para abusar de meninos e posse e distribuição de pornografia infantil.

Rennie e Strachan eram líderes da rede de pedofilia que foi descoberta em 2007 depois de uma intensa investigação policial, cujo nome de código era Operação Álgebra.

A investigação levou à prisão de seis outros homens além de Rennie e Strachan, e à apreensão de mais de 125.000 imagens e vídeos de abuso infantil.

Rennie, de 38 anos, foi condenado por 14 crimes, incluindo estuprar um menininho que era deixado ocasionalmente sob o cuidado dele por amigos durante um período de mais de quatro anos, começando quando o menino tinha três meses de idade. Rennie foi sentenciado à prisão perpétua, com direito à soltura condicional após 13 anos de cadeia.

Strachan, de 41 anos, foi condenado por 9 crimes, inclusive tentar sodomizar um bebê do sexo masculino de 1 ano e meio e de atacar sexualmente um menino de seis anos. Ele foi sentenciado à prisão perpétua, com direito à soltura condicional após 16 anos de cadeia.

O juiz Lord Bannatyne disse que a dupla é culpada de repulsivos e horrorosos abusos de confiança, já que ambos os homens haviam abusado de meninos de amigos entregues a eles para tomarem conta. Ambos fotografaram os abusos.

"Esses crimes envolvem crianças reais e muitas das fotos envolvem crianças sendo sexualmente abusadas, muitas vezes de forma horrorosa. Há vítimas reais desses crimes, isto é, as crianças que foram fotografadas e abusadas", disse Lord Bannatyne.

Bannatyne impôs uma ordem judicial de restrição permanente, usada para os criminosos sexuais mais violentos e perigosos, para ambos os homens, indicando que provavelmente eles "seriamente colocariam em perigo o bem-estar físico de alguém do público". Essa ordem os colocará debaixo de projetos de avaliação e administração de risco pelo resto da vida.

Veja a cobertura anterior de LSN:

Líder de rede de pedofilia era influente assessor de assuntos homossexuais e crianças do governo escocês
http://noticiasprofamilia.blogspot.com/2009/05/lider-de-rede-de-pedofilia-era.html

Diretor de grupo homossexual declarado culpado de envolvimento com rede de pedofilia
http://noticiasprofamilia.blogspot.com/2009/05/diretor-de-grupo-homossexual-declarado.html

Traduzido por Julio Severo: www.juliosevero.com

Fonte: http://noticiasprofamilia.blogspot.com

Veja também este artigo original em inglês: http://www.lifesitenews.com/ldn/2009/nov/09110308.html
Copyright © LifeSiteNews.com. Este texto está sob a licença de Creative Commons Attribution-No Derivatives. Você pode republicar este artigo ou partes dele sem solicitar permissão, contanto que o conteúdo não seja alterado e seja claramente atribuído a "Notícias Pró-Família". Qualquer site que publique textos completos ou grandes partes de artigos de Notícias Pró-Família ou LifeSiteNews.com em português tem a obrigação adicional de incluir um link ativo para "NoticiasProFamilia.blogspot.com". O link não é exigido para citações. A republicação de artigos de Notícias Pró-Família o LifeSiteNews.com que são originários de outras fontes está sujeita às condições dessas fontes.

O FEMINISMO BENEFICIOU MAIS OS HOMENS DO QUE AS MULHERES?

Num artigo opinativo no jornal New York Times, a líder feminista americana Maureen Dowd expressou surpresa que recente pesquisa continue a mostrar que as mulheres, que estão economicamente emancipadas pela revolução feminista, estão mais infelizes agora, quarenta anos depois, do que os homens.

Maiores informações, CLIQUE AQUI.

11/18/2009

SEXO E SOCIALISMO por Jayme S. Sellards

Sei que isso é esquisito, e até um pouco vergonhoso, mas é hora. Isso mesmo: É hora de falarmos sobre sexo.

Primeiro, quero deixar claro que o sexo é simplesmente outra função física, e não há nada de importante por trás dele. Segundo, o amor não existe. Por isso, não se preocupe sobre esperar até achar a pessoa certa. Aliás, você deveria se envolver em sexo indiscriminado com qualquer pessoa que por acaso apareça no seu caminho.

Resumindo: todo sexo é aceitável, em qualquer tempo, em qualquer idade, com qualquer um.

O que? Você ficou ofendido com o que acabei de dizer? Olha, tenho de ser sincero e confessar que essa conversa de sexo não é realmente de minha autoria original. Estou apenas parafraseando Karl Marx. O que é importante entender, porém, é que embora o que acabei de dizer pode parecer loucura para você, é a perspectiva socialista exata acerca do sexo. Entenda: a promiscuidade e os desvios sexuais desempenham um papel no estabelecimento de um sistema socialista de governo.

Quando ouvem a palavra “socialismo”, a maior parte das pessoas acha que é uma filosofia econômica. As pessoas comuns associam o termo com a destruição do capitalismo e o governo tomando o setor privado. Embora isso seja certamente verdade, há também um componente social correspondente que é muitas vezes ignorado.

É, afinal de contas, chamado “social”-ismo.

Marx entendia que o capitalismo não se sustenta sozinho. A idéia do livre mercado foi inventada por países ocidentais com valores éticos judaico-cristãos. Assim, ele sabia que qualquer um interessado em destruir o capitalismo tem também de erradicar os alicerces fundamentais da sociedade que o sustentam.

O componente mais fundamental de todas as sociedades é a família. Na civilização ocidental, a família começa no casamento de um homem e uma mulher. Durante esse casamento, o marido é tradicionalmente o líder da família e o provedor de alimento, roupas e abrigo. A esposa cria um lar amoroso e cria os filhos.

Os laços entre marido e esposa são vistos como espirituais, emocionais e exclusivos. O sexo é a expressão máxima desses laços e, de forma importante, o casamento só é consagrado depois que o marido e a esposa tiveram sua experiência física íntima. Como tal, o sexo pré-conjugal é desencorajado na cultura ocidental, pois barateia e desvaloriza os laços entre marido e esposa e, consequentemente, o significado do casamento e família.

O socialismo não consegue funcionar sob o modelo de família da civilização ocidental. Sob um regime socialista, não pode haver família tradicional, pois o Estado é o líder e provedor de todos. Além disso, toda espiritualidade e emoção têm de ser reservadas exclusivamente para o Estado. Portanto, Marx sabia que a fim de que o socialismo tivesse êxito, ele tinha de achar um jeito de destruir a família.

O modo mais fácil de alcançar essa meta, ele descobriu, era incentivando todos os tipos de sexo. Se o sexo fosse comum e indivíduos solteiros tivessem relações com quantos parceiros quisessem, o sexo perderia todo o seu sentido espiritual e emocional. Assim, o casamento se tornaria irrelevante, e as famílias acabariam deixando de existir.

Com esse propósito, Marx aplicou sua filosofia econômica à sua perspectiva acerca do casamento. Exatamente como ele pregava que toda propriedade privada tinha de ser abolida, da mesma forma ele pregava que todos os relacionamentos privados tinham de ser abolidos. No “Manifesto Comunista”, Marx exigiu “mulheres abertas para todos”, o que significava que nenhuma mulher deveria ser sexualmente exclusiva para um só homem. Em vez disso, as mulheres tinham de se repartir com todos os homens, sem nenhum compromisso. Essa é a origem do movimento de “amor livre” popularizado na década de 1960.

Aliás, não é por acaso que o aumento de programas assistencialistas de linha socialista na década de 1960 tenha coincidido com o aumento do movimento de “amor livre”. Foi um golpe socialista duplo contra nossa cultura tradicional. A “liberação sexual” desvalorizaria o sentido do sexo e família, e o Estado interviria para preencher o vazio, substituindo o marido como líder e provedor.

Durante os 40 anos passados, testemunhamos o sucesso desse plano. Ano após ano, permitimos gradualmente que o governo ganhe mais e mais controle sobre nossas vidas. Ao mesmo tempo, estamos também gradualmente abandonando nossa moralidade sexual tradicional e estamos aceitando o sexo antes do casamento, a criação de filhos sem pais, o casamento gay e até mesmo a pornografia como tendência atual e normal.

À medida que lutamos e resistimos à radical agenda econômica da esquerda, não nos esqueçamos de lutar contra sua radical agenda social também. Compreenda, como compreende a esquerda, que as famílias tradicionais intactas não entregam seu sustento nas mãos do governo. As famílias mesmas se sustentam.

Traduzido por Julio Severo: www.juliosevero.com - Fonte: WND

11/17/2009

MAIS UM IMORALISMO NO SENADO.

MAIS UM IMORALISMO NO SENADO. OREMOS E LUTEMOS CONTRA ESTE ATUAL GOVERNO DO HOMOSSEXUALISMO E DO ABORTO (grifo Prof. Luis Cavalcante)- ENQUETE DO SENADO: VOTE HOJE!

Maiores informações, CLIQUE AQUI.

11/16/2009

COMUNICADO de Rozangela Justino À SOCIEDADE BRASILEIRA:

Informo à sociedade brasileira que não mais atenderei as pessoas que desejam deixar a homossexualidade. Embora desenvolva este trabalho desde 1988, tanto em meu consultório quanto em instituições de apoio, reconheço que não devo ignorar a Resolução nº 01/99 do Conselho Federal de Psicologia, ainda que a OMS-Organização Mundial da Saúde -, através da sua publicação oficial, CID 10, deixe claro que é possível procurar apoio terapêutico para mudança da orientação sexual homossexual em caso desta ser egodistônica, ou seja, quando a homossexualidade, fora de sintonia com o próprio eu, leva a pessoa a um estado de sofrimento psíquico. O transexualismo e o travestismo também são considerados transtornos de identidade sexual, além do transtorno de identidade sexual na infância, onde o pai ou responsável pode procurar tratamento, segundo a CID 10, que pode ser encontrada em qualquer livraria e também baixada através da internet. Trabalho de acordo com as orientações da OMS e também de conformidade com as correntes teóricas das escolas da psicologia; entretanto, de acordo com a Resolução 01/99, nenhum psicólogo pode ajudar as pessoas que voluntariamente procuram apoio para superar os transtornos psíquicos ligados à atração pelo mesmo sexo. Diante disso, decidi interromper o atendimento às pessoas que pretendem superar os pensamentos, desejos e comportamentos homossexuais, enquanto a Resolução 01/99 estiver vigente.

Ressalto que tenho sido perseguida por muitos ativistas gays e punida pelo Conselho Federal de Psicologia exatamente por ajudar aqueles que desejam abandonar a homossexualidade. Além disso, tenho recebido diversas ameaças de morte. Certamente, já comuniquei às autoridades a respeito de tais ameaças. Contudo, alguns militantes homossexuais estão decididos a fazer com que o CFP cace o meu registro profissional e impeça que eu continue exercendo a profissão de psicóloga, a qual eu tanto amo.

Nesse contexto, informo a todos que as circunstâncias obrigam a minha decisão de não mais auxiliar aqueles que voluntariamente buscam um modo diferente de pensar, sentir e vivenciar a sexualidade. Apesar disso, deixo claro que não estou conformada com essa situação. De fato, tenho lutado para mudar tudo isso, de modo que as pessoas tenham o direito de ser quem elas quiserem e de viverem a sexualidade de acordo com o que elas mesmas decidirem, e é inegável que muitas não desejam se conformar com a sua condição homossexual. Afinal, está provado, até então, que ninguém nasce gay, e ainda que seja encontrada comprovação genética para a homossexualidade é inegável a procura de auxílio por parte de muitas pessoas para efetivar as mudanças que elas mesmas desejam em suas vidas e deveriam ter profissionais para apoiá-las e o direito de apoiar e ser apoiado, garantidos.

Estou lutando para mudar essa situação, mas não conseguirei suportar as ameaças e agressões dos ativistas gays nem serei capaz de enfrentar as decisões dos Conselho Federal de Psicologia sem a ajuda daqueles que também não se conformam com tudo o que está acontecendo. Estou gradativamente encerrando as minhas atividades no Consultório e desde a minha punição junto ao CFP não mais recebo pacientes novos, a não ser para algumas sessões de EMDR, somente para os indicados por pessoas da minha relação pessoal que insistirem em realizar este procedimento comigo. É com grande tristeza que compartilho esta decisão muito pensada, pois apoiar pessoas desconhecidas está sendo um fator de risco para mim, especialmente no consultório.

Reafirmo que não estou conformada e continuarei lutando, se você estiver participando comigo desta luta, pois me encontro amordaçada, mas você não - o meu processo está sendo julgado na justiça. Você poderá fazer com que o direito de apoiar e ser apoiado seja garantido pela sociedade e poder público. Continue atento a esta mensagem.

A SITUAÇÃO TENDE A PIORAR SE O PLC 122/2006 for aprovado, além de outras propostas legislativas pró-homossexualismo. Infelizmente, ativistas gays estarão na próxima semana no SENADO FEDERAL (Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa) para julgar o PLC 122/2006, já aprovado na semana passada na Comissão de Assuntos Sociais, numa sessão extra que surpreendeu a todos. Estão apressando a aprovação deste PLC ainda este ano no Senado e na Câmara para onde retornará.

Sensibilizaram os Senadores da casa e os cristãos que Deus ainda não abriu o entendimento acerca dos perigos deste PLC, ainda que tenham incluído idosos, religiosos, portadores de necessidades especiais, ... Na Constituição Federal os direitos dos religiosos, por exemplo, já estão inclusos e não é respeitado. Na atualidade o politicamente correto é o apoio somente às religiões Afros, além do movimento gay. É só uma questão de tempo para que eles dominem e nenhum outro direito seja respeitado, nem o dos religiosos, nem o dos portadores de necessidades, especiais, idosos, religiosos ou qualquer outro. Quanto aos cristãos católicos e evangélicos, com a aprovação deste PLC, serão os mais perseguidos; os profissionais que professarem a fé cristã estarão desqualificados e ameaçados, como eu, ainda que em meu processo há razões jurídicas para a sua anulação e científicas para realizar o trabalho de apoio a pessoas que voluntariamente desejam deixar a homossexualidade.

Diante do exposto, sou totalmente contra qualquer Projeto de Lei de ação afirmativa do movimento gay e de lésbicas, ainda que incluam neles dispositivos de medidas protetivas para idosos, portadores de necessidades especiais, negros, religiosos e outros, simplesmente pelo fato de ELES NÃO SEREM PARA DEFENDER OS DIREITOS destes e nem mesmo das pessoas que sentem atração pelo mesmo sexo, e muito menos para garantir o direito daquelas que desejam abandonar o comportamento homossexual. Se num Projeto de Lei do idoso, como o da pesca que a bancada evangélica e católica derrotou há alguns meses, estiver inclusas palavras tais como ORIENTAÇÃO SEXUAL, IDENTIDADE DE GÊNERO, LIVRE EXPRESSÂO DA ORIENTAÇÃO SEXUAL e outras, inventadas pelos ativistas do movimento de gays e lésbicas ou de interesses deles, saibam que estão a serviço de interesses internacionais com finalidades políticas e econômicas.

Precisamos de reunir documentos que tenham credibilidade jurídica para alicerçar a pressão que precisamos fazer no Congresso Nacional para a instauração da CPI destes movimentos sociais, como também a dos Conselhos de Psicologia. Quem tiver tais documentos faça contato comigo. Portanto, não sejamos ingênuos! Querem amordaçar todo o cidadão brasileiro que tiver opinião diferente da do movimento homossexual - os que pensam diferente receberão o CARIMBO de discriminadores, preconceituosos, homofóbicos e outros adjetivos para desqualificá-los.

Recomendo os 7 (sete) passos a seguir:

1º) FALE COM OS SENADORES através do AlÔ SENADO: 0800612211 para votarem “NÃO” no PLC 122/2006. Envie também seu e-mail. Se você participar de alguma ONG, for líder de igrejas, diga para os parlamentares quantos você representa em sua associação. Ao telefonar para o 0800 61 22 11 peça para os Senadores da Comissão de Direitos Humanos dizerem “NÃO” ao PLC 122/2006, incluindo os Senadores do seu Estado. Denuncie a enquete do PLC 122/2006, onde a pessoa limpando o histórico do seu computador consegue votar várias vezes. Eles já estão dizendo que nós estamos adulterando a enquete e na verdade o próprio Senado criou esta enquete que parece não ser séria, pois já deu vários problemas e já emitiram um resultado da pesquisa adulterado. Portanto, denuncie-a através do site do Senado e cesse as votações. Se você puder estar no Senado na semana que vem e participar desta audiência pública e levar faixas de protesto ao PLC 122/2006 será ótimo, mas seja discreto, silencioso e não cause tumulto no Senado Federal. Possivelmente esta votação será na terça-feira. E-mails dos Senadores, abaixo;

2º) FALE COM OS DEPUTADOS do seu Estado e os Federais pedindo a intervenção deles. A CÂMARA DOS DEPUTADOS FEDERAIS fica próxima ao SENADO. Peça ao seu Deputado para participar da audiência na Comissão de Direitos Humanos do Senado e dizer “NÃO” ao PLC 122/2006, ainda que pareça “bom aos olhos”. Disque Câmara: 0800 619 619. Entre no site da Câmara e envie uma mensagem para o seu Deputado: http://www2.camara.gov.br/canalinteracao/faledeputado Clique em SOLICITE; no espaço para o DESTINATÁRIO DA MENSAGEM. No final do rolamento, selecione TODOS – se retiraram esta opção, você pode enviar e-mail para o(s) seu(s) Deputado(s);

3º) FRENTE PARLAMENTAR EVANGÉLICA e CATÓLICA: tenho alguns e-mails de católicos e de toda a evangélica – veja abaixo. A grande verdade é que os Deputados evangélicos, de forma geral, infelizmente, pouco se mobilizam para estas questões, com raras exceções. As eleições estão às portas. Queremos saber se eles estarão nos representando de verdade no Congresso Nacional ou se precisaremos eleger outros representantes. Telefone para os do seu Estado. A Senadora Marina quer se candidatar a Presidência da República – ela precisa se posicionar, pois ainda não sabemos se podemos contar com a firmeza dela quanto a este tema;

4º) CONSELHOS DE PSICOLOGIA: escreva cartas para os Conselhos Regionais e Federal de Psicologia e peça para os Conselheiros anularem a RESOLUÇÃO 01/99. Envie cópia da sua carta para a Caixa Postal 106.075 – Niterói, RJ CEP 24.230-970 aos meus cuidados ou para todos os e-mails ao mesmo tempo: rjustino@urbi.com.br; rozangelajustino@abraceh.org.br; rozangelalvesjustino@ig.com.br; rozangelajustino@gmail.com
Os e-mails dos Conselhos de Psicologia estão no final desta mensagem;

5º) Manifeste o seu apoio ao Decreto Legislativo número PDC 1640/2009, que o Dep. Paes de Lira – PTC-SP apresentou na Câmara dos Deputados Federais, para que sejam sustados os parágrafos 3º e o 4º da Resolução nº 01/99. Siga as orientações acima para falar com os Deputados. Aproveite para agradecer ao nobre Deputado esta iniciativa em prol da pessoa que se encontra em estado de sofrimento psíquico e deseja deixar a homossexualidade. O e-mail do Deputado Paes de Lira é: dep.paesdelira@camara.gov.br ;

6º) Encoraje psicólogos a se candidatarem nas próximas eleições em seus respectivos Conselhos Profissionais para anularem a Resolução nº 01/99, do CFP, e não deixarem os que estão no poder trabalharem contra a psicologia, em prol do politicamente correto, pois existem muitas teorias e técnicas psicológicas que verdadeiramente estão a serviço do apoio ao ser humano para que ele tenha melhor qualidade de vida; da mesma forma os Assistentes Sociais pró-vida e família precisam se candidatar às eleições em seus Conselhos, pois têm Resolução semelhante;

7º) Procure o Ministério Público Federal da sua cidade, setor de interesse do cidadão. Ele é pago pelos cofres públicos para ser o seu Procurador e irá recebê-lo. Diga-lhe que você deseja apoio para deixar a condição homossexual ou para seu familiar, mas que a Resolução 01/99 do CFP impede profissionais da Psicologia de apoiá-lo para efetivar as mudanças que você deseja. Peça a intervenção do Ministério Público Federal, que é o FISCAL DA LEI para a garantia do seu direito.
OS E-MAILS ESTÃO ABAIXO – mãos à obra! Exerça a sua cidadania, divulgue amplamente esta mensagem e que Deus nos abençoe a todos, em nome de JESUS!

Rozangela Justino http://rozangelajustino.blogspot.com

RELAÇÃO DOS E-MAILS - envie as mensagens em blocos e não para todos ao mesmo tempo, para ficar mais garantida a chegada delas:

A) FRENTE PARLAMENTAR EVANGÉLICA:

frenteparlamentarevangelica@gmail.com
dep.dr.adilsonsoares@camara.gov.br
dep.andreiazito@camara.gov.br
dep.antoniobulhoes@camara.gov.br
dep.antoniocruz@camara.gov.br
dep.aroldeoliveira@camara.gov.br
dep.bispogetenuta@camara.gov.br
dep.carloswillian@camara.gov.br
dep.cleberverde@camara.gov.br
dep.davialvessilvajunior@camara.gov.br
dep.dr.nechar@camara.gov.br
dep.eduardocunha@camara.gov.br
dep.fatimapelaes@camara.gov.br
dep.filipepereira@camara.gov.br
dep.flaviobezerra@camara.gov.br

dep.chicoabreu@camara.gov.br
dep.franciscorossi@camara.gov.br
dep.georgehilton@camara.gov.br
dep.geraldopudim@camara.gov.br
dep.gilmarmachado@camara.gov.br
dep.henriqueafonso@camara.gov.br
dep.takayama@camara.gov.br
dep.irisdearaujo@camara.gov.br
dep.joaocampos@camara.gov.br
dep.joaooliveira@camara.gov.br
dep.jurandyloureiro@camara.gov.br
dep.leonardoquintao@camara.gov.br
dep.lincolnportela@camara.gov.br
dep.lindomargarçom@camara.gov.br
dep.manato@camara.gov.br

dep.pastormanoelferreira@camara.gov.br
dep.marcosantonio@camara.gov.br
dep.mariodeoliveira@camara.gov.br
dep.natandonadon@camara.gov.br
dep.neiltonmulin@camara.gov.br
dep.neucimarfraga@camara.gov.br
dep.onyxlorenzoni@camara.gov.br
dep.pauloroberto@camara.gov.br
dep.rodovalho@camara.gov.br
dep.sabinocastelobranco@camara.gov.br
dep.silascamara@camara.gov.br
dep.walterpinheiro@camara.gov.br
dep.andrezacharow@camara.gov.br
andrezacharow@camara.gov.br
dep.antoniocarloschamariz@camara.gov.br
dep.manato@camara.gov.br
dep.cleberverde@camara.gov.br
dep.elizeuaguiar@camara.gov.br
dep.majorfabio@camara.gov.br
dep.bispogetenuta@camara.gov.br
dep.leovivas@camara.gov.br
dep.jeffersoncampos@camara.gov.br
jorgetadeumudalen@camara.gov.br
dep.zequinhamarinho@camara.gov.br
dep.zevieira@camara.gov.br
dep.capitaoassumcao@camara.gov.br
dep.marciomarinho@camara.gov.br
dep.sabinocastelobranco@camara.gov.br
dep.ricardoquirino@camara.gov.br
dep.dr.nechar@camara.gov.br
dep.sergiobrito@camara.gov.br
dep.silasbrasileiro@camara.gov.br
pastorpedroribeiro@hotmail.com

Senadores evangélicos e Deputados Católicos:

magnomalta@senador.gov.br
marinasi@senado.gov.br
crivella@senador.gov.br
dep.miguelmartini@camara.gov.br
dep.paesdelira@camara.gov.br
dep.leandrosampaio@camara.gov.br
dep.drtalmir@camara.gov.br

B) E-MAILS DE TODOS OS SENADORES:

adelmir.santana@senador.gov.br
acmjr@senador.gov.br
demostenes.torres@senador.gov.br
efraim.morais@senador.gov.br
eliseuresende@senador.gov.br
gilberto.goellner@senador.gov.br
heraclito.fortes@senador.gov.br
jayme.campos@senador.gov.br
jose.agripino@senador.gov.br
katia.abreu@senadora.gov.br
marco.maciel@senador.gov.br
maria.carmo@senadora.gov.br
raimundocolombo@senador.gov.br
rosalba.ciarlini@senadora.gov.br
inacioarruda@senador.gov.br
almeida.lima@senador.gov.br
garibaldi.alves@senador.gov.br
geraldo.mesquita@senador.gov.br
gecamata@senador.gov.br

gilvamborges@senador.gov.br
jarbas.vasconcelos@senador.gov.br
sarney@senador.gov.br
leomar@senador.gov.br
lobaofilho@senador.gov.br
maosanta@senador.gov.br
neutodeconto@senador.gov.br
paulo.duque@senador.gov.br
simon@senador.gov.br
renan.calheiros@senador.gov.br
romero.juca@senador.gov.br
valdir.raupp@senador.gov.br
valterpereira@senador.gov.br
wellington.salgado@senador.gov.br
francisco.dornelles@senador.gov.br
cesarborges@senador.gov.br
expedito.junior@senador.gov.br
joaoribeiro@senador.gov.br
magnomalta@senador.gov.br
crivella@senador.gov.br

robertocavalcanti@senador.gov.br
antval@senador.gov.br
renatoc@senador.gov.br
alvarodias@senador.gov.br
arthur.virgilio@senador.gov.br
cicero.lucena@senador.gov.br
eduardo.azeredo@senador.gov.br
flexaribeiro@senador.gov.br
jtenorio@senador.gov.br
lucia.vania@senadora.gov.br
marconi.perillo@senador.gov.br
mario.couto@senador.gov.br
marisa.serrano@senadora.gov.br
papaleo@senador.gov.br
sergio.guerra@senador.gov.br
tasso.jereissati@senador.gov.br
josenery@senador.gov.br

mercadante@senador.gov.br
augusto.botelho@senador.gov.br
delcidio.amaral@senador.gov.br
eduardo.suplicy@senador.gov.br
fatima.cleide@senadora.gov.br
flavioarns@senador.gov.br
ideli.salvatti@senadora.gov.br
joaopedro@senador.gov.br
marinasi@senado.gov.br
paulopaim@senador.gov.br
serys@senadora.gov.br
tiao.viana@senador.gov.br
ecafeteira@senador.gov.br
fernando.collor@senador.gov.br
gim.argello@senador.gov.br
j.v.claudino@senador.gov.br
mozarildo@senador.gov.br
romeu.tuma@senador.gov.br
zambiasi@senador.gov.br

C) E-MAILS DOS CONSELHOS FEDERAL E REGIONAIS DE PSICOLOGIA:


federal@pol.org.br
cotec4@bol.org.br
gerenciageral@bol.org.br
crp-01@crp-01.org.br
atendimento@crp-01.org.br
crpacre01@brturbo.com.br
crpmanaus@vivax.com.br
crp01ro@brturbo.com.br
crp01rr@technet.com.br
crppe@crppe.org.br
crp03@crp03.org.br
crp04@crp04.org.br
etec@crp04.org.br
leste@crp04.org.br
norte@crp04.org.br
sudeste@crp04.org.br
sul@crp04.org.br
uberlandia@crp04.org.br
crprj@crprj.org.br
subsedeni@crprj.org.br
subsedeniteroi@crprj.org.br
subsedepetropolis@crprj.org.br

info@crpsp.org.br
assis@crpsp.org.br
baixada@crpsp.org.br
bauru@crpsp.org.br
campinas@crpsp.org.br
abc@crpsp.org.br
ribeirao@crpsp.org.br
sjrpreto@crpsp.org.br
crprs@crprs.org.br
admin@crppr.org.br
crp08@crppr.org.br
crplondrina@crppr.org.br
crpmaringa@crppr.org.br
crpumuarama@uol.com.br
crpcascavel@crppr.org.br
marabaran@terra.com.br
glauciawarken@hotmail.com
daysebortoli@hotmail.com
egleidemelo@hotmail.com

trmansano@yahoo.com.br
cecilia.fantin@uol.com.br
gcrrpsico@hotmail.com
gcrpsico@wln.com.br
mlaidane@ufpg.org.br
luciapwolf@gmail.com
sezineide@ibest.com.br
sezineide@yahoo.com.br
soniabls@yahoo.com.br
nuci_oliveira@yahoo.com.br
karin.bruck@gmail.com
ccaba_psi@hotmail.com
betiulrich@hotmail.com
pogogeslki@uol.com.br
cranckel@yahoo.com.br;

secretaria08@crppr.org.br
diretoria08@crppr.org.br
cof08@crppr.org.br
comunicacao08@crppr.org.br
gerencia@crppr.org.br
admin@crppr.org.br
renego@crppr.org.br
cadastro@crppr.org.br
cadastro1@crppr.org.br
comissoes08@crppr.org.br
politicaspublicas08@crppr.org.br
crepop@crppr.org.br
crp09dir@terra.com.br
administração@crp09.org.br
crp09dir@terra.com.br
secaoto@crp09.org.br;

atendimento@crp10.org.br
crp11@crp11.org.br
adm@crpsc.org.br
secretaria@crp11.org.br
cobranca@crp11.org.br
cof@crp11.org.br
coe@crp11.org.br
contabilidade@crp11.org.br
ma@crp11.org.br
pi@crp11.org.br
cdh@crp11.org.br
adm@crpsc.org.br
secretaria@crpsc.org.br
financeiro@crpsc.org.br
cate@crpsc.org.br
projetos@crpsc.org.br
cof@crpsc.org.br
crp13@uol.com.br
crp14@terra.com.br
crp15@crp15.org.br
crp16@crp16.org.br
crprn@crprn.org.br

11/10/2009

CURSO ONLINE GERADOR AUTOMÁTICO DE RIQUEZA ATRAVÉS DO EMPREENDEDORISMO DIGITAL


CURSO ONLINE GERADOR AUTOMÁTICO DE RIQUEZA ATRAVÉS DO EMPREENDEDORISMO DIGITAL

Gerador Automático de Riqueza
http://www.riqueza.net.br

Ganhe Dinheiro Todos os Dias
http://www.riqueza.net.br

Venha estudar comigo online
Prof. Luis Cavalcante - Economista
E-mail: cavalcante@easycompecentro.com.br
Site: http://www.riqueza.net.br

S.D.G.

****

11/02/2009

A CABANA

A FRAGILIDADE E SUPERFICIALIDADE DA TEOLOGIA EVANGÉLICA BRASILEIRA, ENGOLIDOS PELO PÓS-MODERNISMO (NEGAÇÃO DOS FUNDAMENTOS E ORTODOXIA CRISTÃ), NEO-LIBERALISMO TEOLÓGICO, PANTEÍSMO-NOVA-ERA, SECURALISMO-RELATIVISTA E MATERIALISMO CONSUMISTA.

Maiores informações, CLIQUE AQUI.

O CARÁTER DE UM VELHO PURITANO INGLÊS

O CARÁTER DE UM VELHO PURITANO INGLÊS OU NÃO-CONFORMISTA
(The Character of on Old English Puritan or Nonconformist

O Velho Puritano Inglês era aquele que honrava a Deus, acima de todas as coisas, e, abaixo de Deus, dava a cada um o que lhe era devido. Sua maior preocupação era servir a Deus e, desse modo, ele não fazia o que era bom aos seus olhos, mas o que era bom aos olhos de Deus, fazendo da Palavra de Deus a regra de sua adoração (...)

Maiores informações, CLIQUE AQUI.

HALLOWEEN - ESTRATÉGIA DE SATANÁS PARA LEVAR CRIANÇAS, ADOLESCENTES E JOVENS PARA O OCULTISMO ATRAVÉS DE UM "FOLCLORE INOCENTE".

http://halloween-es.blogspot.com

HOJE EM DIA: DEBATE HORRÍVEL

Debate horrível, 02/11/09 d.C, um advogado que quer aparecer, desobecendo o estatuto da OAB em propaganda no seu escritório, procurando "brechas" em nome do código do consumidor e direitos homanos, uma psicóloga transformando uma menina responsável pelo alvoroço na universidade em vítima e coitadinha e todo um programa malhando a universidade e igualando com outras reportagens sérias sobre a violência na universidade por uma atitude irresponsável de uma moça por roupas indecentes e ainda criticando o moralismo de falso moralismo. Infelizmente, a maioria destes programas nem sabe o que é moral e muito menos falso moralismo. Programas sensacionalistas, não deve ser levado a sério pela falta de profissionalismo e muito menos um JORNALISMO CIENTIFICO.

O compromisso não é com a verdade e nem com a responsabilidade e sim com o sensacionalismo e preocupação com índice da audiência e em detrimento com os fatos (outros fatos) outras versões.

PESQUISA: JOVENS COMEÇAM A BEBER AOS 12 ANOS

Maiores informações, CLIQUE AQUI.

Paul Washer - O que é Salvação (Em Dois Minutos)

Association of Biblical Counselors - http://christiancounseling.com

Narth - National Association For Research & Therapy of Homosexuality

The Association of Christian Therapists - www.ACTheals.org

Christian Counseling & Educational Foundation - http://www.ccef.org

Society for Christian Psychology - http://christianpsych.org

Pela Proibição Urgente da Droga Cigarro no Brasil

História da música "Amazing Grace (Maravilhosa Graça)"

ANTES DE QUALQUER COISA, OUÇA ESTE VÍDEO E MEDITE!

OS PURITANOS

IPB

APMT

Plantango Igrejas Presbiterianas pelo Brasil